Implosão da antiga fábrica da Rheem Química em Benfica vai dar lugar a um Funkódromo

Blog Carioca 29/08/2012 7

A Prefeitura do Rio montou um esquema especial para a implosão da antiga fábrica da Rheem Química, na Rua Prefeito Olympio de Melo, 721, em Benfica, na Zona Norte da cidade, que acontece no próximo domingo (02/08/12), às 7h. O terreno de 5 mil m² faz esquina com a Avenida Brasil e vai abrigar um novo espaço dedicado à cultura urbana no Rio.

O local foi desapropriado e, após vistoria da Defesa Civil Municipal, ficou constatado o risco de queda do imóvel. Na operação de domingo, estarão envolvidas equipes da Defesa Civil, Fundação Geo-Rio, Cet-Rio, Secretaria de Assistência Social, Guarda Municipal, Comlurb e o Centro de Operações Rio.

Por uma questão de segurança, os moradores dos imóveis localizados na região de segurança máxima – um raio de 150 metros que abrange as ruas Prefeito Olympio de Melo, Dr. Pedro Ernesto, General Almerio de Moura, Dona Darci Vargas e Barreira do Vasco – deverão deixar as suas casas até as 6h30 de domingo e seguirem para um lugar seguro até o término da implosão e a liberação da área pela Defesa Civil, prevista para ocorrer por volta das 9h.

A Prefeitura do Rio sugere que os moradores esperem o término da operação em dois pontos da comunidade: Praça Carmela Dutra ou Rua Ricardo Machado. Há uma semana, agentes da prefeitura já estão visitando moradores e comerciantes da Barreira do Vasco e arredores para esclarecer dúvidas.

A Defesa Civil Municipal será responsável pela inspeção e isolamento da área e cerca de 40 técnicos estarão de prontidão para garantir a segurança dos moradores do entorno e das pessoas que circularem pelo local. Nesta terça-feira (28), começou a ser distribuído material informativo com orientações sobre a desocupação dos imóveis situados dentro da área de segurança.

Para minimizar os impactos no trânsito, será implantado esquema especial de tráfego envolvendo várias vias, com destaque para a Av. Brasil. A operação de trânsito contará com a participação de 160 agentes de trânsito da Prefeitura do Rio, entre guardas municipais e controladores da CET-Rio, que trabalharão para manter a fluidez, orientar motoristas e pedestres, além de efetuar os bloqueios e desvios necessários. Equipes das concessionárias LAMSA, Porto Novo e CCR Ponte também participarão da operação.

Segundo o site R7, no lugar da antiga fabrica será ergido o “Funkódromo“, um espaço destinado às diversas manifestações do funk carioca. O local vai oferecer oficinas para DJs, MCs, dançarinos, montagem de som e iluminação, além de abrigar o Museu do Funk.

FONTE: Agência Rio de Notícias / R7.com

7 Comentários »

  1. ricardo 29/08/2012 at 19:21 -

    O nome correto é Rheem Metalúrgica ou Rheem Empreendimentos Industriais e Comerciais. Esta histórica fábrica pertenceu a outra metalúgica também muito conhecida chamada Matarazzo.
    Funcionou muitos anos alí uma empresa que empregou milhares de brasileiros. Pioneira em tecnologias na área da informática, maquinário de ponta, chegou a ser uma das maiores do segmento. Lançou ações na bolsa, expandiu suas atividades, investiu na linha de embalagens de plástico para BR distribuidora,comprava mais aço em chapa plana que a Ford e Wolkswagen juntas na epoca. Tinha tudo para estar lá até hoje, funcionando, gerando empregos, receita, mas o destino não reservou um final feliz. Pena que tudo vai abaixo, mas temos que pensar que será melhor para a cidade, para as pessoas que moram nas redondezas e para o desenvolvimento da nossa cultura.

  2. Joana 30/08/2012 at 18:19 -

    Poxa, ali atrás tem uma comunidade, na frente uma area enorme com capacidade para construir um grande condominio e começar subsidiar moradia digna para aqueles moradores, política de pão e circo, gente, onde esses políticos estão com a cabeça??? um local estratégico, com residências e diversas igrejas (catolica e evangelica) próximas, uma galpão pra fazer museu e baile funk, nada contra o funk, mas observa-se que não há planejamento, quando querem desocupar a favela mandam as pessoas pra regiões limitrofes da cidade, a área do porto pode muito bem abrigar esse museu do funk e a liga das escolas do grupo de acesso, fazendo daquela area um pólo da cultura tipicamente carioca, atraindo atividades turisticas, pois a cidade do samba já esta ali…. e o povo não faz nada, q q isso???

  3. nanci quirino 01/09/2012 at 13:11 -

    morei muitos anos na vila ao lado , minha mae e irmaos ainda moram ai espero que nao venha tgrazer consequencias de rachaduras nestas casas da vila pois esta vila e muito antiga.

  4. André Almeida 01/09/2012 at 16:30 -

    Se não me engano a Rheem Metalúrgica foi para Resende.
    Se existe risco de queda do imóvel é mais que correta a ação da Prefeitura, mas utilizar este espaço para esta nova finalidade vai gerar empregos diretos para a população ?
    Será que uma área tão nobre não poderia abrigar um empreendimento comercial ou industrial, que efetivamente estivesse alinhada com a vocação deste local, afinal qual empresário não gostaria de iniciar uma atividade as margens da Avenida Brasil comum terreno cedido pela Prefeitura ?
    Este Funkódromo não poderia ser em outo local ?

  5. gabriel felipe barbosa 02/09/2012 at 13:48 -

    inves de construir porcaria de ”funkodramo” sei la que porcaria é essa ,podiam construir um hospital ou escola essa porcaria de funkodramo vai ficar do lado da minha casa se eu nao consegui dormir eu vou denunciar

  6. Denise 05/09/2012 at 16:11 -

    dá pra ver claramente que a população local não foi consultada para saber se há aprovação para construir este espaço para o funk, bem que poderiam pensar nas consequências, ótima ideia de uma empresa, um hospital, um condominio de aptos a preços populares em vez de mais barulho, tenha santa paciência, é dinheiro público indo para o ralo, quem quiser ir ao baile funk que vá, não é necessário um museu pra isso, o funk taí não precisar ser lembrado pq não será esquecido, faz parte da cultura do carioca, usem aquele mega espaço com mais consciência, até mesmo um shopping center ali seria interessante, o local é de super fácil acesso, passa ônibus para cidade inteira, santa cruz, ipanema, baixada, itaguaí com apenas um condução,por favor, mais cuidado com o dinheiro do povo!!!!!!!!!!!

  7. Mary 09/09/2012 at 16:56 -

    Funkodromo?WTF?Podendo construir casas para pessoas desabrigadas, hospitais,escolas,creches,vão construir um funkódromo?
    Acho que o prefeito nao sabe que ja tem bastante baile funk por aqui.

Faça um comentário »