Rio oferece oportunidade de emprego formal para refugiados

Blog Carioca 20/07/2017 0

A Secretaria de Estado de Direitos Humanos e Políticas para Mulheres e Idosos (Sedhmi) encerra amanhã (21/07/17) inscrições para preenchimento de vagas de emprego para refugiados e solicitantes de refúgio que morem no Rio de Janeiro. A iniciativa é feita em parceria com o Consórcio BRT e oferece quatro vagas para auxiliar de atendimento nas estações do BRT. Até o momento, o número de inscritos alcança 85 pessoas.

Falando hoje (20) à Agência Brasil, o secretário Átila Nunes destacou que, para se candidatar à vaga, é importante ter ensino médio completo, fluência em inglês ou espanhol, além de se expressar corretamente em português. O salário será de R$ 1.301,00 mais vale-transporte e vale-alimentação, de acordo com informação do Consórcio BRT. O interessado deve apresentar o número do protocolo de refúgio.

Nunes acredita que a iniciativa facilita a entrada dessas pessoas no mercado formal de trabalho. “Atualmente, uma das grandes dificuldades dos refugiados no Rio de Janeiro é ingressar no mercado de trabalho formal. Seja por questões da língua, seja por desconhecimento dos empregadores. Por isso, quanto mais empresas se sensibilizarem para oferecer oportunidades de trabalho para os refugiados e solicitantes em situação de refúgio que morem no estado, maior será a integração dessas pessoas”

Nova vida

Átila Nunes avaliou que, além de oportunidade de emprego, a ação pode gerar outros impactos positivos. “Com o contato com essas pessoas, os cidadãos fluminenses poderão entender um pouco melhor quem são os refugiados. Pessoas que, por motivos de guerra e perseguição, tiveram que deixar as suas casas para vir em busca de proteção e de uma nova vida aqui, no Brasil”.

O secretário disse ainda que, em função da elevada procura, é importante que outras instituições e empresas se interessem em firmar parcerias com o mesmo objetivo. “Fica claro que precisamos de mais empresas interessadas em oferecer oportunidades de trabalho para essas pessoas. Ações como essa servem justamente para isso”, afirmou Nunes.

As inscrições podem ser feitas na sede da Sedhmi, na Avenida Erasmo Braga, 118, 9º andar, centro do Rio de Janeiro, ou por meio do formulário online https://goo.gl/forms/83Vx3mFzoiGpjg252.

Edição: Davi Oliveira / Alana Gandra
Agência Brasil de Notícias

Faça um comentário »